23 janeiro 2011

Bucelas - Arruda, 23 Jan 2011

Hoje, 23 de Janeiro de 2011 (dia de eleições presidenciais), foi o dia em que fomos explorar um pouco mais da zona entre Bucelas e Arruda-dos-Vinhos e o Rui estreou uma máquina nova em carbono (cuidado que isso enferruja com facilidade). E valeu a pena, temos de repetir, se possível com menos frio.
No dia anterior enviei o percurso para o pessoal verificar. O Pirex verificou e adicionou um desafio – subir um monte a noroeste de Arruda dos Vinhos, o que acrescentou mais 8Km à volta.
A partida de Bucelas foi às 8.30 da manhã com 3ºC no termómetro. Estávamos todos artilhados com toda a roupa que era possível para aquecer mas, como se veio a verificar, os pés haveriam de estar gelados o caminho tudo.
Por sugestão dos TPOs iniciamos a volta no sentido contrário ao previsto. E foi subir e mais subir quase até Arruda. A paisagem era magnífica (alguém que coloque as fotos), e tudo ia bem se não fosse o percalço do Pirex não parar de deitar sangue do nariz. Isso levou-nos  à farmácia na Arruda dos Vinhos e, já no regresso para retomar o track, eu levei o pessoal por engano a fazer o track no sentido contrário ao que trazíamos (erro que só identifiquei já em casa – na altura eu sabia que algo não estava bem …..). Se isto por um lado complicou a volta e fez com que Kms depois estivéssemos novamente na Arruda dos Vinhos, teve a vantagem de nos permitir fazer um single track espectacular desde o alto do monte em Arruda. Esse single só poderia ser realizado naquele sentido e é algo que temos de repetir. Imperdível.
Para chegar a esse single tivemos de fazer uma subida daquelas tipo parede, como à muito tempo não fazíamos. Ainda antes dessa subida perdemos dois Trincas. O Rui, que por sugestão do Hugo temos de rebaptizar o Trinca Atalhos, já que é a 2ª vez que se perde, e o Pirex que nunca mais conseguia estancar o sangue e voltou mais cedo ao carro.
De Arruda foi acelerar até Bucelas pelo caminho mais rápido, esquecendo o percurso previsto. Foi prego a fundo e deu para aquecer um pouco e queimar mais umas energias.
Grande volta, sem duvida a repetir (já tenho o percurso corrigido para n futuro ser realizado correctamente). Aqui ficam os dados.




4 comentários:

Brites disse...

Aquela parede à saida de Arruda foi durinha... Há algum tempo que não apanhavamos algo tão duro... E a descida até Bucelas não foi melhor... Pois não Boss?
Grande João que está numa forma imparável... Ninguém segura o homem...
Abraço,
Ass: Trinca-Tudo
PCCRB

João Tremoceiro disse...

Não sei porquê mas na análise do track aparecem mais de 90Km. Está errado obviamente. A distancia percorrida foi de 47Km.

Férias disse...

Grande volta a repetir com algumas alterações:

Não descer até a Arruda e fazer ligação directa até ao singletrack e regresso pelo estradão junto ao rio.

Fazer a volta num dia de boa visibilidade e com muito menos frio para desfrutar da paisagem

Pirex disse...

Eu não gostei nada, ontem passou-me tudo ao lado. Tenho que la voltar para formar opinião :)
Abraço
Pirex