13 maio 2013

Um passeio deslumbrante por terras de Idanha-a-Nova (1)

A medida que as horas e os quilómetros iam passando no Sábado por terras do Concelho de Idanha-a-Nova, lá ouvia o Rui dizer, cada vez com mais convicção, que “esta é uma das melhores voltas que já fizemos”. Pois bem, tenho que concordar, que desta vez não houve qualquer exagero do Rui, porque, efectivamente, foi dos passeios mais bonitos e que mais prazer me deu, desde que iniciei estas aventuras com os meus camaradas de armas Trinca-Pedras.

É certo que cada volta tem a sua história, a sua beleza, as suas peripécias, mas este passeio conseguiu reunir o melhor que se pode ter numa aventura deste género: uma beleza magistral, um tempo magnífico, um ritmo verdadeiramente de passeio (que no período da manhã chegou a ter uma média deliciosamente patética), uma vertente turística e histórica (com a visita às aldeias históricas de Proença-a-Velha, Monsanto e Idanha-a-Velha), e ainda um dos mais bizarros momentos desde que os Trincas andam nestas andanças, que se assemelhou a um episódio da série Twilight Zone. Mas já lá vamos.

Eram cerca das nove da manhã quando o Pirex, o Rui, a Tânia (que iria viver um dos momentos mais assustadores do passeio), o Nuno, o Zé, o Leonel, o Hugo, o João e eu nos fizemos aos trilhos, partindo do Parque de Campismo de Idanha-a-Nova, localizado nas margens verdes da albufeira da Barragem Marechal Carmona (também conhecida como Barragem de Idanha).

Aquela barragem, aliás, iria estar sempre no centro de toda a nossa volta, já que o percurso escolhido (e bem, diga-se) contornava toda a albufeira, levando-nos de volta ao parque de campismo.

Mal iniciámos a volta percebemos de imediato que a Primavera estava no seu esplendor, com os campos verdejantes, pejados de flores, libertando os seus pólen de forma massiva (para grande azar do Hugo), e sempre com paisagens deslumbrantes. Sempre à nossa direita, ora mais perto ora, mais afastado, lá íamos tendo como cenário o azul vivo da albufeira.

E foi neste ambiente de puro passeio e descontração que passámos quase toda a manhã, num ritmo pouco dignificante para um bttista que se preze, mas muito recompensador para qualquer um de nós.

Uma manhã que culminou com uma paragem na primeira aldeia histórica do dia: Proença-a-Velha. Mas, não se pode dizer que a chegada aqui tenha sido totalmente pacífica.

Primeiro, lá ouvi o Nuno dizer que estávamos em Proença-a-Nova, que por sua vez tinha ouvido dizer de alguém ser esta a Proença onde estávamos. Na verdade, estávamos na Velha, em dia de festa.

Segundo, houve alguns desencontros, já que quando entrámos naquela aldeia, por uma pequena rua empedrada, alguns Trincas seguiram de imediato pelo track, enquanto outros ficaram para trás para ir espreitar as festas. Os mais impacientes lá tiveram que voltar para trás.

Terceiro, verificou-se a primeira e única dificuldade técnica do dia, já que o Zé, amavelmente, tentou encher o meu pneu, mas dada a sua técnica (pouco) apurada, acabou por me partir o pipo ou a válvula. Nem sei. Só sei que deu cabo daquilo tudo. Resultado: toca a mudar a câmara de ar.

Enfim, todos estes desencontros e percalços não demoraram mais de 15 minutos, ao fim dos quais estávamos todos nas festividades de Proença-a-Velha, para um momento de descontracção e convívio. (continua num post seguinte)

9 comentários:

Pirex disse...

Hum, boa técnica... deixar água na boca, hein :)
estou à espera da continuação.

Volta fraquinha, hein eh eh eh

Abraço
Pirex

Férias disse...

Fraquinha, se não fosse o chili...

João Pires disse...

Muito bom.
Viva aos sulfitos.

Paulo Lopes disse...

Volta em ritmo de passeio ... queres ver que afinal ;) tou-vos mesmo a ver em passeio :)

p

Nuno Vilhena disse...

Ui!! quem me dera estar agora naquele cenário fabuloso, continua que estou a gostar :-)

Pirex disse...

Paulo. Acredita foi mesmo em passeio e não prestou para nada

Pirex disse...

Paulo. Acredita foi mesmo em passeio e não prestou para nada

Tânia disse...

Linda volta!! Excelentes paisagens!! Magnificos trilhos!! Belas aldeias!!

Tânia disse...

Linda volta!! Excelentes paisagens!! Magnificos trilhos!! Belas aldeias!!