18 outubro 2010

De novo na Galega, 17-10-2010

Desta vez sou eu que vou tentar contar como foi a nossa ida à Galega. Os TPOs reservaram-nos uma ida ao passado e algumas coisas totalmente novas. A volta foi óptima, a boa disposição também com o grupo constituído por: Pirex e João, Nuno e Filipa, Zé e o novo parceiro também de nome Nuno e naturalmente a minha pessoa. Éramos por isso 7 e mal sabíamos o que nos esperava na parte final. Que o diga o Nuno (o novo), que apareceu com uma bicla melhor que a do Pirex e, dizem as más-línguas, este para se vingar fez o homem sofrer a valer. Mas não desistas Nuno, o Pirex é bom rapaz e vais ver que com ritmo te vais divertir a valer.

 O dia estava uma maravilha, é de aproveitar enquanto o tempo o permite, a lama era pouca e apetecia pedalar.








O Nuno (o novo), ainda sem alcunha. Se voltares vamos ter de tratar disso.
Já a mais de meio, o Pirex furou. O homem também fura e a coisa só se resolveu depois de se desmontar e montar o pneu pelo menos três vezes. O Zé, sempre prestável, encheu o pneu as três vezes, o Pirex em esforço lá ia desmontando e montando, uma vez ficava a câmara de ar de fora, outra era o pneu que não ficava no sitio até que à terceira tudo ficou onde era devido.




Durante o percurso eu já vinha a ouvir umas conversas entre os TPOs. Então vamos àquela subida? ……. Não dá tempo ….. Mas eu tinha pensado ir lá …….. É tarde, é melhor não.



Mas estava visto que ninguém convencia o Pirex a abdicar de ir onde ele tinha imaginado. O João não estava com vontade nenhuma e o Nuno só dizia para mim “ Tu nem imaginas como aquilo é”.


Foi por isso com vontade que comemos uns figos antes da subida, não fosse a energia faltar.

 
 

E a subida era dura e comprida, nalguns locais com a bicla às costas, mas na maioria do percurso o pavimento era de cimento. Fez-se sem grandes problemas só que ela rebentou com o resto das energias que o Nuno ainda tinha.



Mas caros Trincas se a subida era exigente, a vista lá no topo era espectacular e sobre a descida não tenho palavras!!!


Que dizer da descida? Brites rói-te de inveja, aquilo tem tudo o que é bom nas descidas e eu só não gozei mais porque não conhecia o percurso - existem ali locais que dão uns saltos bem jeitosos e minha bicla ainda não tem asas.




 Aqui é o inicio da descida.

Vejam a subida e a descida.

Depois da descida o grupo ficou partido, pois o Nuno rebentou. Eu como queria estar mais cedo em casa ajuda ao Pirex que me acompanhou de volta à Galega. Fizemos em muito bom ritmo mais ou menos 10 Km, quase sempre a subir, o que foi óptimo para encerrar a volta.
Para os curiosos aqui ficam os números (com mais de 900m de acumulado). Por ultimo um grande abraço ao novo Nuno. Não desistas que isto com o tempo passa.

Mais uma vez foi um prazer pedalar com vocês.


6 comentários:

Filipa Santos disse...

Sugestão...
Tens um amigo de que não gostas muito???
Trá-lo a dar uma volta com os Trincas(Presença indispensável do Pirex para os efeitos desejados)
Looooooooooooooooooooooollll
e as probabilidades de nunca mais o voltares a ver são imensas!!!!!
Isto é bricandeirinha, aparece novamente Nuno que és bem vindo e a coisa será mais soft.

Pirex disse...

Pois, vocês agora carregam em cima do Pirex. O rapaz já não pode acordar com vontade de pedalar. Acho que o Pirex estava naqueles dias em que a manhã de tão espectacular, assim o exigia. Um dia destes vão reclamar com ele, porque se arrasta pelo terreno. Eia Eia Viva o Pirex. (discurso tipo jogador de futebol Brasileiro).
Oh JT, afinal tu não perdeste o jeito para os post´s, andavas era na preguiça. Muito bom. até eu já andava farto dos post´s desse Pirex. Da-se.
Agora, tu, JT, sim tu. andas um cavalão. Sim senhor o ginásio faz maravilhas :)
Só ficou a faltar o Brites para curtir aquela descida, mas vamos ter que a fazer duas vezes. A primeira para ele ver como é e a segunda para curtir (parece-me é que há muita gente que não vai gostar do cimento).
Outra coisa, ouvi dizer que a tal de Trinca Lady anda a pedalar como um homem. Um dia destes ainda a veremos a competir e a aparecer nos magazines da RTP2.
Abraço
Pirex

João Tremoceiro disse...

Temos de ver se o Brites merece uma descida daquelas. Temos é de encontar outra maneira de chegar lá acima, sem passar pela pedreira. Talvez se possa subir por aquela descida que o pessoal das motas fez quando estavamos lá no topo. Temos de ver isso no Google.

Pirex disse...

Ok JT, acho que podemos investigar isso no google.
Esqueci-me de dar uma palavra ao Nuno (o Novo).
Nuno, desculpa, eu estava endiabrado :) não foi por mal mas como fui perguntado e disseste que se fosse preciso subias com ela á mão, eu fui em frente.
Mas volta que com o tempo ficas a andar mais que muitos.
Abraço
Pirex

Brites disse...

Pergunta: O Pirex furou? Furou? A sério? Então mas o homem não usa câmaras de ar de gel e coiso e tal que nunca furam?
Ganda azar... O Pirex fura e não estou lá eu para lhe moer o juizo... Dasse para apróxima não falho...
Quanto a essa tal descida, fico à espera... Tanta publicidade...
Quanto à Trinca-Lady, só ainda não apareceu nas reportagens de sábado à tarde na RTP2, porque nunca participou em provas oficiais, caso contrário, seria um caso sério para a Sónia Araújo...
Um abraço,
Ass: Trinca-Tudo

Trinca Lady disse...

Gostava de me testar.....mas não me posso metar nisso!!!!:)Vou dando voltinhas com os Trincas e tentando chegar ao vosso nivel!!!!!