27 setembro 2009

Forte do Alqueidão em Set de 2009

E seguindo a frase: O que aconteceu no Gerês fica no Gerês e depois do último Trinca-Extreme, voltamos á normalidade. Os da Galega reuniram-se para mais uma jornada com o nosso convidado especial, o Trinca-Tudo. É verdade, o homem morde tudo o que lhe aparece á frente. Nunca vira costas a um desafio sobre 2 rodas.
Saímos do sítio do costume ás 08.00 e o dia prometia. A vontade, essa é que não era muita como se viu pela indefinição da rota a tomar. Decidimos recuperar trilhos antigos e tomar decisões na altura conforme a nossa vontade.
Com isto acabamos por rumar ao forte do Alqueidão onde encontramos alterações no terreno. Existe lá uma rota de pedestres que leva os caminhantes ao forte. Esta, estava ladeada por vegetação até há pouco tempo e agora está ladeada por um estradão que tudo indica servirá a nova estação arqueológica que abriu no topo. Aproveitamos para confirmar as direcções. Via-se a serra de Montejunto e a serra do Socorro.
A partir daí fomos procurar nozes num caminho perto da serra de Alrota e como não vimos oferta interessante, avançamos. Por ai seguimos e demos de caras com uma figueira de figos mel. Ora lá teve que ser eh eh eh.
Descemos quase até Bucelas e desta vez subimos um single track, que normalmente usamos a descer, até á estrada e regressamos a casa.
Chegamos ás 11.50 e fizemos 45kms. Sabíamos que tínhamos subido alguma coisa mas pensávamos que não passaria dos mil metros.
Agora para quem lá esteve: Malta, fizemos 1350 m de acumulado, nada mau, hein?
Bom, o resto foi para quem lá esteve. Deixo as imagens da ordem:











Agora junto o grafico da voltinha.



Abraço
Pirex

3 comentários:

Brites disse...

E eu a pensar que nem 1000 metros de acumulado tinhamos feito...

Bolas... Estes gajos do TPO são loucos... Devem ter caido num caldeirão quando eram pequeninos e agora pedalam que nem malukos...

Grande volta... Grande treino... Pena estar tanto calor...

Abraço,


Ass: Trinca-Tudo... (Pedras, Nozes, Figos, Amoras...)

Pirex disse...

Sabes uma coisa, vem ai o tempo das Castanhas e da água pé. Temos que trincar disso também :)

Abraço

JT disse...

Pois é pessoal, eu e o irmão do Nuno (uma das almas bondosas que nos levou o almoço no Alentejo), demos uma volta entre Évora e Nossa Senhora de machede. 37km a um ritmo razoável, o Fernando está a começar, mas que deram para manter as pernas activas.
Grande abraço e para a semana alinho com vocês. Onde vamos?