31 agosto 2009

Esquece lá isso

Esquece lá isso foi a frase mais ouvida no passado domingo de manhã. Acontece que o nucleo TPO recebeu um colega do Zé para pedalar. O Rubino. Digo-vos que está ai outro atleta e se a coisa continua assim, ainda vamos ter companheiros a competir já que até aqui éra só velhos, pernetas, mancos e jarretas.
Saimos da venda do Pinheiro ás 08.30 e mais uma vez vi toda a gente a sacudir a água do capote e calha-me a responsabilidade de escolher o caminho. Ai é! já vos digo como elas mordem. Uns, ai que me doi a barriga. Outros, ui que tenho andado doente. Outros ainda, xi que não dormi nada esta noite... andei de volta das princesas :)
Esquece lá isso dizia o outro.
Subimos a Monte Gordo para fazer aquela louca descida até Lousa. Depois subimos a encosta sul do cabeço de Montachique para descer novamente para Lousa. Dai foi gerir as forças que o pessoal ainda tinha porque estava um calor do caraças e a desidatração tava a moer.

As imagens do costume.






Agora as fotos do Zé













Abraço
Pirex

5 comentários:

Diabinho disse...

....Esqueçe la isso...., sinceramente nao tinha a noçao da dificuldade que é andar nestes trilhos, pessoal impecavel e de veras acolhedor, o meu agradecimento a todos pela recepçao, ainda estou dorido(completamente roto), mas aguardar pela proxima jornada, uma vez mais obrigado e despeço-me com aquele abraço do Rubino(Diabinho).

Pirex disse...

Grande Rubino, é isso mesmo. Tens de vir mais vezes porque andar na terra é muito mais fixe. :)

Brites disse...

Mais uma voltinha guiada pelo Pirex, por isso, dever ter sido a doer... Ainda por cima com vontade de impressionar o novo elemento... Deve ter sido cá um empeno..

Pessoal, ainda não é este fim de semana que me junto a voçês para mais uma voltinha...
Fica para o fds seguinte...

Abraço,

Ass: Trinca-Tudo (Brites)

Bruno Dias disse...

Brites, o empeno foi tal que eu aos 5 Kms voltei para casa...LOL!

Um abraço

Bruno Dias

JT disse...

Porra pá, que inveja.

Já tenho saudades de ter uma história para contar na segunda feira.

Nunca mais estou capaz de andar. Esta coisa nunca mais está boa.

Grande abraço