25 setembro 2011

Masoquismo

Depois de muitos desencontros, para a volta deste fim de semana, lá chegamos a um consenso. Ia-mos fazer o Lizandro. Não seria a primeira vez, contudo a novidade foi um trilho desenhado para uma maratona com direito a reportagem na BikeMagazine ultima. A coisa prometia.
Os nossos desenhadores de percursos, criaram 2 alternativas. Uma curta com o necessário e outra exacta e mais longa. Eu diria de outra forma, A exacta, mais segura e testada para pessoas menos capacitadas para pedalar como eu e a outra para artistas como o Trinca-Tudo.

Aqui o ponto de encontro

 O Inicio das hostilidades e vejam quem vai desmontado



 Hum... a coisa é a descer... acho que já não sou capaz...


 Aqui já me sinto confortável.



 Neste ponto, corriam cerca de 15kms, era onde começava a diferença entre caio ou não caio.

 ... já fui...
A partir daqui separei-me do grupo para regressar pela estrada. Isto só demonstra a minha incompetência. Pelo que sei a volta foi mesmo muito boa. Durinha e à nossa medida. Agora vem ai o Inverno e provavelmente só se voltará a pedalar aqui para o ano. Eu espero estar no vosso meio.

Volto ao estaleiro e vamos ver quando volto a pedalar convosco.
Abraço
Pirex

2 comentários:

Férias disse...

Rapaz,

A reportagem está bem cool, pena a tua lesão!
Põe-te fino, não te atrevas a desistir porque ainda temo muito sitio para desbravar.
Temos de voltar ao Lizandro, um sábado com direito a banhos e almoço.
Ainda tenho os singletraks todos na cabeça.

Abraço

JT disse...

Pirex, assino por baixo, não te atrevas a desistir.
Esse estaleiro é para quanto tempo?