30 março 2009

29 de Março - Montachique II

Malta, junto as fotos tiradas pelo Zé.

video

Abraço

Pirex

29 de Março. Os trinca Subiram de Novo a Montachique

29 de Março de 2009.

Os Trinca-pedras resolveram encarar de frente a Mudança da Hora. Então o combinado foi comparecer na Galega ás 08.00.
Isto na hora antiga correspondia ás 07.00.

Á hora combinada lá apareceram o Trinca-Nhocas (Zé); o Trinca-Gadget (Nuno); Trinca-Tuga (João); Trinca-Férias (Hugo); Trinca-Bipbip (Alex); Trinca-Duro (Rui) e o Trinca-Pirex.

Já não sei se os nomes que coloquei estão correctos, pelo que vos peço humildemente desculpa :).

O Rui disse ao chegar "foge estão 6 graus". E estava mesmo frio. Fizemo-nos ao caminho eram 08.30 e demos uma pequena volta pelos limites da Galega para aquecer as pernas. O João surpreendeu-me com uma pequena inovação neste trilho que faz parte do meu inicio no BTT. Uma pequena subida ingreme que acabou em descida a comtemplar a A8 sempre junto a uma vedação. Recomposto o grupo fomos em direcção á Charneca pela subida que passa na bica de 1942.

Depois foi sempre o mesmo. Descer para subir, subir para descer. Passa-mos pela saida da portagem e subimos ao Cabeço de Montachique, Forte de Ribas e nova descida. Acabamos pouco depois das 12.00 e o sentimento geral foi de mais uma boa manhã. Eu continuo a fazer de carro vassoura e ando a aprender a ter uma visão nova do grupo :)

Junto algumas fotos para ilustrar o passeio.



























Abraço

Pirex

22 março 2009

BBT versus Kaiake

Pois é pessoal, eu sei que o blog é de BTT mas este fim-de-semana, enquanto oleava a minha bicicleta para a volta do fim-de-semana com o Zé, o meu vizinho apareceu e desencaminhou-me para uma volta de kaiake em Sesimbra.
Foi um espectáculo, 11,5Km sempre a remar, com o mar de um lado e as espectaculares arribas da Serra da Arrábida do outro. Descobri músculos nos braços que desconhecia.

Levei barritas para comer, coisa de principiante. Qual não foi o meu espanto quando a meio do percurso parámos numa pequena praia isolada e o meu parceiro saca de duas brutais sandes de atum e outras duas cervejola. Isto do kaiake tem coisas que o BTT não tem.
Temos de levar esta vertente gastronómica para as nossas voltas. Mas já tenho saudades da bicicleta …. e do Pirex, que já regressou.
Inté
João

17 março 2009

15 Março 2009 - Subida ao Funchalinho

Os planos iniciais para este domingo eram para a minha participação na Maratona do Sardoal, mas devido a uns imprevistos causados pelo meu filho mais novo, acabei por rumar à Galega...

E ainda bem que assim foi... Para além de ter a honra de participar no regresso do Pirex aos trilhos, estradões e Single-Tracks, acabamos por fazer uma passeio com zonas espetaculares e que merecem ser revisitadas...

Malta... só vos digo... aquela zona é um Diamante em Bruto... Tem muito terreno ainda por lapidar...

O super-Pirex está de regresso...


Desta vez rumamos em direcção à Malveira e em particular ao Funchalinho... No inicio este nome soou-me familiar, mas só mais tarde viria a reconhecer o sitio onde estava...

Os primeiros 8 ou 9kms foram feitos em asfalto para aquecer a perna e poupar o ombro do Pirex... Mas desengane-se quem pensa que o homem está podre e agora é que vão aproveitar para lhe darem uma trepa nas subidas...

Logo nos primeiros kms de asfalto, deixou-me para trás a uns bons 2minutos de distância... sem apelo nem agravo... Ora toma lá para aprenderes...

O Nuno muito bem acompanhado... Esta foto explica a pressa com que estava para chegar à Malveira...


Ainda mal tinhamos entrado no trilho e era ouvir os gemidos de prazer do Pirex... "Ahhhh... Uhhhh... que saudades que eu tinha disto..." Parecia que o homem tinha estado 5 meses de abstinência e agora tinha soltado a franga novamente...

Mas vamos ao que interessa... Estavamos nós a meio da subida quando se fez luz... Estavamos a fazer parte do percurso que os amigos do Paulo da Malveira fizeram e nos deram uma grande coça à cerca de um ano, quando fizemos o percurso de reconhecimento da FexpoMalveira e eu mandei o maior vôo da minha vida...

Desta vez, subimos mesmo até ao topo do Funchalinho... e só vos digo, aquela parte final em asfalto é mesmo durinha... Coisa para o Rui soltar uns quantos "Raaahhhhhhhh..."

Aproveito ainda para assinalar a excelente forma em que se encontra o João (Trinca-Tudo), tendo colado à minha roda e chegado logo depois de mim... fresquinho que nem uma alface... Escusado será dizer que o Jorge e o Nuno foram os primeiros a chegar...

Já no topo do Funchalinho...





Depois de descermos o Funchalinho por uma estrada cheia de eucaliptos atravessados no caminho...


Vejam o campo verde por trás...


O Funchalinho lá ao fundo...


Jorze...


Será que estamos mesmo em Portugal?
João, estas são uma dedicatória para ti... LOL...

















Por último, felicitar o Pirex pelo seu regresso e que nos proporcione grandes voltas pela zona da Galega...

Sim, porque o João voltou a passar o testemunho de Guia ao Pirex...

Abraço e Boas pedaladas...

Ass: Trinca-Tudo